Pages

23 de mar de 2011

Quero seu corpo coberto de avelã,Paulo Alvarenga/DEA



Quero seu corpo coberto de avelã
banhado em petalas de flores pela manhã,
quero sentir o doce da sua pele no meu beijo,
um frescor que embreaga,
e seduz quem te ama,
esperar a chama acesa,
ao som do mais fino violino,
uma gota caindo em seu colo nú,
e o céu cada vez mais azul,
é nosso teto num jardim de Veneza,
estamos mais apaixonados do que nunca ,
minha princesa !
Paulo Alvarenga

0 comentários:

Postar um comentário