Pages

17 de mar de 2011

Rosa Clement Valquíria/DEA

Rosa Clement

Valquíria

"Vem, benzinho, entra que eu estou só"
dizia Valquíria em tão belo dia;
ligeiro o homem entrou e logo eu quis ver
tudo o que a mãe de Valquíria não via...

Menina macaca, para os lados olhei,
em caixas cheguei à antiga janela.
Valquíria sem blusa, seios imensos,
deixava o homem se esfregar nela.

No chão se deitaram, e logo um susto:
Um membro teso, ficando gigante,
não era salsicha, e não era banana,
mas Valquíria lambia com jeito elegante...

E tudo o que passava naquela sala,
me deixava mesmo era maravilhada;
e depois que acabou sai tropeçando
mostrando a todos a cara espantada...

Lúcia Afonso Não há partes prediletas.../DEA


Não há partes prediletas de teu corpo
que me excitem os sentidos
e me façam
as pupilas e a vagina mais molhadas,
como pedaços de um ícone quebrado.

Te quero pleno, inteiro e articulado
se enroscando em meus pedaços, a dar-me
uma visão inteira de mim mesma,
no espelho abissal de teu abraço.

Não há partes prediletas de teu corpo,
pois o que seria de mim, sob teu peso,
ao sentir teu pênis meu e teso
sem, antes, um afago nos cabelos?

Não há partes no todo predileto
de teu corpo, lábios, nuca,
a pequena marca sobre o peito,
mamilos, calcanhares, a garganta.

Partes...
e inteiro
me ficas, predileto,
no teu cheiro espalhado sobre a cama.

Camila Sintra Geometria dos corpos/DEA

Camila Sintra

Geometria dos corpos

A menor distância
entre dois pontos
está na conjunção
de nossos corpos
que se atraem na razão inversa
da razão e do verso.

Beija meus senos
percorre minha hipotenusa
para te perderes no triângulo
molhado sob minhas bermudas
e descobrir minhas incógnitas
me rasgando com teu cateto.

Encaixa teu cilindro
em meu cone que te precisa
e acha, usa e abusa,
descobre o meu ponto G...

Encontra a quadratura do círculo
na curva de meus quadris.

Camila Sintra Entrega /DEA


Camila Sintra

Entrega

Um beijo desce pelo corpo
passeia pelas pernas
beijando cada dedinho do pé
sobe pelas curvas das ancas
deslizando no meio das nádegas
serpenteando pelas costas acima
até atingir a nuca
afastar teus cabelos
tornear tuas orelhas
buscando teus lábios abertos.

Encontro de línguas em fogo
e mãos que descem aos seios
teus mamilos em minha boca
teu arfar em meu coração
minha alma em teus braços.

No meio de tuas pernas
o cheiro perfumado do prazer
atrai meu encaixe que busca
tua entrada que acolhe
sem pensar em mais nada...

Concerto dos órgãos/DEA


Carlos Lúcio Gontijo

Concerto dos órgãos

Orgasmo, janela do corpo
Espasmo da carne
Êxtase da alma
Libido na palma da mão
Cálido tato que nos conduz
Pele aberta em flor
Órgão executando luz
Coração sem pecado original
Alvejado em duas fontes
Que se molham de amor....

Isabel Machado é Primeiro suspiro/DEA

Isabel Machadoé

Primeiro suspiro

Arromba!
Penetre entre as gretas que te enxergam
Adentre pelos poros que veneram
o teu suor no meu endoidecido...

Arromba!
Por todos os meus lados puritanos
tão virgens e tão castos, espartanos
te engulo feito louca ao teu gemido...

Arromba!
Teu gozo exploda em mim feito uma bomba
debata-se e debata-se vencido
calando o meu grunhir na tua boca...

E...
depois da casa arrombada
não reste mais nada
por viver...

Amo três gestos teus...GREGORIO DE MATOS/DEA

Amo três gestos teus...

Amo três gestos teus quando, senhor,
me incendeias do teu próprio fogo.
Te serves do meu corpo, minha boca
sorves na tua, me penetras...
És poderoso, vivo, estás feliz.
Mas depois disso cada minuto é meu.

Conjugações Marly Caldas/DEA

Conjugações

Marly Caldas

Se você não sabe
Muito menos eu
Conjugar o verbo partir
Se me perguntar o voltar
Eu posso lhe ensinar
O verbo partir é muito triste
Ainda mais se não tem volta
Já o verbo chegar
Se envolve um voltar
Que alegria conjugar
Esqueça a partida
É sempre dolorida
Ou pense na volta
Que é sempre tão gostosa
Por isso toda vez que vou
Eu volto feliz e contente
Ainda mais se na chegada
Você está presente!