Pages

17 de nov de 2009

VLL HJ AQUI SÓZINHA E CHORANDO MUITO AFII COMO SOU MÓLE GOSTARIA DE SER MAIS DURA COM A VIDA E COMIGO MESMA TB MAS NÃO CONSIGO NEM POSSO POIS SOU HUMANA TENHO SENTIMENTOS :

PARA VC ALGUEM MUITO ESPEÇIAL:

HJ DOU VALOR A TUA PERDA SERA QUE TE PERDI? NAO QUERO NEM VOU CRER NISSO AINDA TENHO ESPERANÇAS :

VOU TE CONTAR UM SEGREDO

ACEITE-ME DA MANEIRA QUE EU SOU:

Aceite-me da maneira que venho...


Eu cheguei até você assim,

Desse jeitinho que sou;

Cheguei como um presente

E como um brilho de luz na escuridão...

Por isso não trago manchas...

Sou uma pessoa comum, entre tantas outras...

Tenho a sensibilidade do amor

E tenho também todas as dificuldades de um ser humano...

Não tenho a pretensão de ser perfeita

E nem tampouco a prepotência de querer estar além do que posso...

Tenho, contudo, a humildade de conhecer meus

limites,

E de saber onde posso chegar!

Eu sou alguém que vive...

Que sonha...

Alguém que busca caminhos de realizações,

E de felicidade...

Sou alguém, que sofre que luta, que chora...

Mas também sou alegria e sorrisos...

É assim que sou,

E como todo meu semelhante, sou único,

Sou indivisível...

E se você me procurar dentro de mim,

Me descobrirá escondidinha na emoção...

E se olhar bem devagarzinho,

Bem direitinho...

Verá que sou toda coração!


(Maria Célia da Rocha)POR FAVOR ME ACEITE E ME AME DO JEITO QUE SOU MEU AMOR  :VALL

SOU UM POEMA INACABADO:


Hoje parei...

Observei ao meu redor...

Busquei as respostas...

Estacionei no coração

Voltei no tempo, optei pelo presente...

Mesmo o passado estando presente.



Foi uma longa caminhada...

Por horas quis abandonar

Horas quis voltar...



Mas optei pelo rumo

Andei sem prumo...

Em meus caminhos...



Busquei muitas coisas...

Encontrei meu eu

Achei o sabor da vida

Em lugares que menos esperei...



Descobri que posso amar

Que posso sonhar

Que tenho uma luz a me guiar

Uma luz a brilhar

Que tenho um caminho a trilhar...

Aqui é meu lugar...

(desconheço a autoria)Estufarei o peito e gritarei ao mundo

Que há em mim a esperança de ser feliz...

É que perdi a coragem em alguma esquina

Ou a felicidade não me quis!



Logo eu, que sempre fui tão atrevida,

Passei a aceitar restos e migalhas...

Como se a vida não tivesse alternativas

e me sobrassem apenas as tralhas!



Ah... Que tolice é aceitar a falta de atitude,

O conformismo de que não se pode nada mudar!

Tá na hora de dar meu grito de guerra

E, de mangas arregadaçadas... revolucionar!



Serei o espelho de minhas vontades

E passarei por cima de tudo que me deixa triste...

E se me contrariarem, ou me condenarem,

De mim farei defesa, com dedo em riste!



Não quero mais viver de lamentos

Pois não escolhi a tristeza pro meu destino!

Vou virar a página, vou chutar o balde

E da felicidade farei meu figurino!



E com um sorriso estampado

Vou mostrar ao mundo quem sou eu

De pacto firmado com a vida

E com a alegria que me escolheu!

(Mell Glitter)
BJUSSS MILL VALL

HANNN ESTES HOMENS MAS AMO A UM DELES EM ESPECIAL VIU? E ELE É VC AMOR:


Ah! Esses homens

malandros

meninos

que nos beijam

com olhar libertino...

Ah! Esses homens

adorados

amigos

amantes

namorados

que nos despem no olhar

que nos levam

às estrelas

e nos fazem bailar...

Ah! Esses homens

cavalheiros

safados...

que nos mapeiam

o corpo

nos possuem

com gosto...

É por eles

que retocamos

o baton...