Pages

21 de jul de 2010

DÉA ROS

Por que será?PDFImprimir


Por que será, que a gente faz tudo sempre errado.
Ri quando quer chorar, e chora quando quer rir.
Queria tanto não ter dito, tanto que disse.
Dizer tudo que não disse.
Se nunca é tarde demais.
Por que meu trem passou e não voltou mais.
Por que eu não olhei para trás
Por que, por que eu não perguntei por que.
Eu simplesmente, continuei andando.
Andando como se não quisesse poder voltar.
E agora tudo que gostaria é saber onde você está.
Você que eu disse tão alto que nunca mais queria ver.
Que nunca mais iria amar.
Você que até hoje não me deixa dormir em paz.
E se nunca é tarde demais, por que o tempo parou.
Parou, sem me deixar seguir nem voltar.
E tudo que gostaria é saber onde você está.
Dizer tanto que não disse.
Dizer tudo em um minuto.
O minuto daquele abraço que parti sem te dar.
O abraço que ainda guardo para você.

0 comentários:

Postar um comentário