Pages

6 de abr de 2011

PALAVRAS SEM-JUÍZO...../DEA


PALAVRAS SEM-JUÍZO

Estas são minhas palavras,
obsessivas, analisadas,
palavras sem-juízo,
mas, de todo modo, apaixonadas.

Estas são minhas palavras,
pequenas crianças,
perversas, indefinidas,
mas, de todo o modo, muito amadas.

Estas são minhas palavras,
que tentam crescer, verter,
flexionar o seu gênero,
para saber conjugar,
na primeira pessoa do singular
o verbo amar.

Estas são minhas palavras,
que, ainda, balbuciam
e se deitam para aprender
a falar.

Estas são minhas
palavras,
que preciso falar, e só
falando,
aprendo a escutar e só escutando,
talvez, um dia, eu possa calar.

Estas são minhas palavras,
bobagens que, às vezes,
arranjo em versos,
para um anjo escutar

0 comentários:

Postar um comentário