Pages

16 de fev de 2011

OBJETO...../DEA


Objeto

Jenário de Fátima


Faça de mim aquilo que quiseres.
Sacie sua carne, seus desejos.
Sua intenção seja qual lá tiveres,
Minha hora é submissa a seus ensejos.

Mas por favor, aquilo que me deres,
Não conte a seus amores andarejos.
Não sabes nunca o quanto que me feres,
Sair contando a todos de meus beijos.

Sei que de seu amor sou dependente.
E a esta inquietude eu não me nego.
Pois quando quis fugir vi claramente.

Que quando mais fugia, menos me encontrava
E a fuga tornava meu olhar tão cego,
Que mais dependente deste amor ficava...

0 comentários:

Postar um comentário