Pages

17 de mar de 2011

Rosa Clement Valquíria/DEA

Rosa Clement

Valquíria

"Vem, benzinho, entra que eu estou só"
dizia Valquíria em tão belo dia;
ligeiro o homem entrou e logo eu quis ver
tudo o que a mãe de Valquíria não via...

Menina macaca, para os lados olhei,
em caixas cheguei à antiga janela.
Valquíria sem blusa, seios imensos,
deixava o homem se esfregar nela.

No chão se deitaram, e logo um susto:
Um membro teso, ficando gigante,
não era salsicha, e não era banana,
mas Valquíria lambia com jeito elegante...

E tudo o que passava naquela sala,
me deixava mesmo era maravilhada;
e depois que acabou sai tropeçando
mostrando a todos a cara espantada...

0 comentários:

Postar um comentário